4 dicas para deixar sua aula online mais interessante

aulas online
4 minutos para ler

Após um ano e meio de pandemia, muitos professores já estão há bastante tempo trabalhando com o modelo remoto ou híbrido de aulas. Em tese, deveriam estar já melhor preparados para lidar com a forma e com as peculiaridades desse modelo. Mas não é isso que vemos na prática.

Por isso, muitos professores encontram dificuldades para engajar os alunos e obter melhores resultados. Mas como tornar sua aula online mais interessante? Vamos trazer algumas dicas para isso a seguir. Boa leitura.

1. Saia do modelo de sala de aula

Se você está entrando no modelo online agora, ou se já está nesse ritmo desde o início da pandemia, mas ainda está com dificuldades de conseguir tornar sua aula online mais interessante, talvez seja porque ainda esteja com a mentalidade de sala de aula.

Apesar de os conteúdos ainda serem os mesmos, a lógica de aprendizado não é a mesma. Por isso, é importante você mudar o mindset para o modelo online.

2. Traga conteúdos do cotidiano do aluno

A distância entre a forma como o professor expõe os conteúdos e a realidade do aluno é um dos principais pontos que prejudicam o dia a dia do ensino. Ele não se sente representado ou aquele tema parece não dialogar com a sua realidade.

Um dos exemplos mais comuns é o famoso meme “mais um dia em que não usei a fórmula de Bhaskara”. E isso não vale só para a matemática, mas para diferentes áreas. E como amenizar isso? Simples: basta trazer aplicações práticas e diálogos com o dia a dia do aluno.

Por exemplo, faça paralelos das aulas de história com exemplos do cotidiano daqueles alunos, ou com referências próximas (por exemplo, paralelos com desenhos e séries que eles gostem). Isso facilita o entendimento, além de aumentar o interesse deles pelo tema.

aulas online

3. Use memes e gifs

Outra forma de quebrar o modelo engessado praticado em sala de aula e trazer mais dinamismo para suas aulas é usar memes e gifs durante as explicações. Essa é uma aproximação da linguagem deles que torna o conteúdo menos maçante e, assim, eles conseguem se sentir mais estimulados.

Unindo isso a uma postura mais ativa, você pode optar por pedir aos alunos que estimulem sua criatividade e eles mesmos produzam memes e gifs focados nos temas daquela aula. Afinal, isso também é uma forma de estimular o aprendizado.

4. Incentive a interação entre alunos

Mesmo com mais de um ano após o início das aulas online, ainda temos uma profunda dificuldade em lidar com o conteúdo sendo passado por uma tela. E afinal, também temos vários estímulos que competem com as aulas: o Whatsapp é um dos grandes exemplos.

Por isso, se você tiver uma postura que deixe seus alunos passivos, a tendência é que eles dispersem e percam o interesse na aula. Então, uma forma de conseguir amenizar isso é incentivando a interação. Algumas dicas para isso são:

  • Faça perguntas para eles;
  • Peçam para que eles tragam exemplos para a sala de aula;
  • Adote princípios da metodologia ativa que, justamente, incentivam a participação dos alunos.

Para não perder seus alunos na aula online, é fundamental tomar todos os cuidados para que eles se sintam atraídos pelos conteúdos! Por isso, adote essas dicas. Temos certeza de que serão muito úteis.

Quer potencializar ainda mais sua carreira na área de educação? Conheça nossos cursos e atualize seus conhecimentos.

Você também pode gostar

Deixe um comentário